Notícias

Nova tabela de contribuição do INSS

Nova tabela de contribuição do INSS

insstabelaextra

O Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) deverá divulgar, em breve, a nova tabela de contribuição previdenciária dos trabalhadores da iniciativa privada. Esta serve de base para que o empregado com carteira assinada sofra descontos mensais em seu salário, destinados à Previdência Social, de acordo com sua faixa de rendimento.

Quanto maior o valor recebido, maior a alíquota cobrada.O percentual varia entre 8% e 11%.

Neste ano, as faixas salariais serão reajustadas em 6,58%, mesmo índice de aumento concedido a aposentadorias e pensões do INSS.

A partir de agora, os salários de até R$ 1.659,38 terão uma alíquota mensal de 8%.

Os trabalhadores que recebem entre R$ 1.659,39 e R$ 2.765,66 sofrerão desconto de 9%, e aqueles que ganham entre R$ 2.765,67 e R$ 5.331,31 recolherão 11%.
O percentual de reajuste aplicado à tabela de contribuição é o acumulado do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC), apurado pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), entre janeiro a dezembro de 2016. O indicador é usado para corrigir os benefícios previdenciários.

Neste ano, os mais de dez milhões de beneficiários do INSS que recebem acima do salário mínimo tiveram reajuste de 6,58%.

Já os 22,3 milhões de segurados que recebem o piso nacional tiveram seu aumento anunciado ainda em dezembro.

O mínimo subiu de R$ 880 para R$ 937 (alta de 6,48%).

Vale lembrar que o órgão iniciará os pagamentos dos benefícios reajustados nos últimos cinco dias úteis de janeiro.

Fonte : Jornal Extra

< Voltar